Análise SWOT (FOFA): o que é e como fazer

Análise swot (fofa)

Você já deve ter se perguntado: o que é uma análise SWOT? Por que ela é tão falada no mundo corporativo? Qual a importância de uma matriz SWOT? Como eu a faço? O que preciso para ter maior vantagem competitiva no mercado? 

Ficou curioso e quer entender como a famosa análise SWOT(fofa) pode ajudar o seu negócio? Então fique tranquilo que nós vamos te explicar em detalhes. 

  • O que é análise SWOT?
  • Por que fazer uma análise SWOT?
  • Como fazer uma análise SWOT em 4 passos?
  • Quais os benefícios de uma matriz SWOT?

O que é análise SWOT?

O que é análise SWOT? O que é análise fofa? Consultoria empresarial de Ribeirão Preto. Faça um diagnóstico gratuito.

Em primeiro lugar, análise SWOT (FOFA), pe uma sigla em inglês para forças (strengths), fraquezas (weaknesses), oportunidades (opportunities) e ameaças (threats), é um instrumento de análise para empresas que surgiu na década de 60 por Albert Humphrey, na Universidade de Stanford. 

Sobretudo, como uma ferramenta de gestão estratégica, ela auxilia na elaboração do planejamento estratégico e fornece a análise do ambiente interno (forças e fraquezas) e do ambiente externo (oportunidades e ameaças). Assim, a empresa ou negócio poderá se antecipar em relação às mudanças no mercado e aumentar sua vantagem diante dos seus concorrentes.

Por que fazer uma análise SWOT?

Segundo o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), existiam cerca de 8,5 milhões de microempresas no Brasil em 2018. Entretanto, apenas 30% desses negócios se mantiveram por apenas dois anos.

 Além disso, 39% das empresas fazem planejamento estratégico (Dados: 5A Company).

Em um mundo tão globalizado, a última coisa que queremos é ficar para trás. Logo, para que o seu negócio possa criar um bom planejamento estratégico e operacional, é essencial que ela tenha a base necessária, ou seja, uma análise SWOT. 

Isso permitirá entender a sua posição diante da concorrência, identificando as ameaças e oportunidades, além dos fatores internos, como, as forças e fraquezas. 

Como fazer uma análise SWOT em 4 passos?

Agora que você já entendeu a necessidade de se fazer uma matriz SWOT, deve estar se perguntando: Mas como eu faço? 

  1. Reúna uma equipe diversa: Responda às forças (internas), fraquezas (internas), oportunidades (externas) e ameaças (externas). Mas para isso, tenha o máximo de ideias de pessoas de diferentes áreas e cargos, fazendo um brainstorming.
  2. Refine os resultados: Em seguida, passe todas as informações por um funil, onde as suposições e “achismos” serão descartadas.
  3. Registro: Depois, registre, consolide e organize as informações para que todos da organização possam ver.
  4. Planos de ação: E por fim, defina juntamente à equipe planos práticos de ação que possam maximizar as forças e oportunidades, e reduzir os riscos das fraquezas e oportunidades.

Quais os benefícios de uma matriz SWOT?

E para finalizar, os frutos de uma análise SWOT:

  1. Entrega de dados concretos para tomar as melhores decisões.
  2. Desenvolvimento de estratégias para curto e longo prazo.
  3. Simplicidade, acesso e eficiência.
  4. Apoio na redução de custos e de tempo para o planejamento estratégico da empresa.
  5. Alinhamento das equipes que estarão a par dos dados adquiridos.
  6. Aumento da vantagem no mercado, uma vez que se conhece a concorrência.

Esperamos ter te mostrado como criar uma base sólida para o planejamento estratégico da sua empresa ou negócio.

Quer saber mais sobre planejamento estratégico e SWOT?  Entre em contato conosco e marque uma reunião de diagnóstico gratuita.

Consultoria empresarial em Ribeirão Preto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *