Black Friday: Como impulsionar suas vendas


Você sabe o que é Black Friday? Black Friday quer dizer “Sexta-feira Negra” e se trata de um dia inteiro de descontos generosos organizados principalmente pelo varejo.

Inicialmente esse termo surgiu nos Estados Unidos, se tornando o maior dia de compras do ano em 2001, sendo sua ocorrência na ultima sexta feira do mês de novembro, data posterior ao “Dia de Ação de Graças” estadunidense.



A data apresenta resultados impressionantes, sendo que muitos e-commerces relatam vender em um único final de semana o equivalente a um mês inteiro de faturamento. Muitas empresas aproveitam a data para eliminar todos seus estoques e se preparar para as vendas da época natalina.

São as categorias mais vendidas segundo a SHARE FINANCEIRO:

No Brasil, a data chegou em 2010 envolvendo inicialmente grande quantidade de varejistas online, sendo comum encontrar empresas que aproveitavam a data para divulgação de promoções onde não havia descontos reais. Atualmente, os resultados no Brasil estão em constante crescimento, tendo atingido em 2017 o faturamento de 2.1 Bilhões; no ano de 2018, com uma alta de 23% os resultados chegaram a impressionantes 2.6 bilhões de reais.

Com expectativas positivas para o ano de 2019, a Black Friday acontecerá no dia 29 de novembro e é a grande oportunidade do ano para as empresas turbinarem suas vendas. Mas para que a prosperidade do negócio não seja apenas um evento, as empresas devem saber aproveitar ao máximo a ocasião para, além de queimarem estoque e faturarem acima da média, atraírem e conquistarem seus clientes de modo que esses as garantam um bom rendimento todos os meses do ano. Para isso, as principais posturas a serem adotas pelos empreendimentos são:


· Prepare ofertas com descontos reais

A empresa deve negociar com o consumidor a melhor condição de compra e venda de seu produto, oferecendo-o, dentro da possibilidade, um melhor desconto possível e verdadeiro. É muito comum ver empresas oferecendo descontos falsos, que aparentam ser imperdíveis, mas que, na verdade, recaem apenas sobre preços exorbitantes que foram inflacionados na véspera. Uma política de transparência e honestidade com o consumidor é essencial para uma boa reputação no mercado.


· Atenção aos custos dos produtos

Estude os descontos que serão oferecidos! Pode parecer óbvio, mas com a Black Friday, a empresa, preocupada em atrair um maior número de consumidores e fazer queima de estoque, corre o risco de ofertar preços inferiores aos seus gastos. Ao determinar o valor de um produto, lembre-se de analisar os gastos com impostos, transporte, estocagem e as despesas com vendedores.


· Foco no ticket médio

Se com os descontos, a margem de lucro de um produto for muito baixa, o inclua em combos de produtos que o complemente. Além de aumentar seu ticket médio, permite que o consumidor se sinta satisfeito por poder comprar um maior volume de mercadorias.


· Seja claro com o consumidor

Em muitas ocasiões, as empresas oferecem grandes descontos apenas mediante a situações específicas: frete grátis a partir de tal valor, maiores prazos de entrega, complicações na política de troca ou devolução, entre outros; mas não deixam claro ao consumidor tais condições, o que acaba lhe gerando a sensação de que foi enganado e prejudica a reputação da empresa. Seja claro em sua comunicação comercial!


· Atendimento aos clientes

Para muitos consumidores, a Black Friday é um evento muito esperado durante todo o ano e alvo de grandes investimentos. É muito importante que se faça uma boa escolha na hora de realizar uma compra, por isso, para que os clientes saiam totalmente satisfeitos, os vendedores devem estar devidamente treinados e aptos a informar quais as principais especificidades de cada produto, oferecendo o melhor atendimento possível ao comprador.


· Seja um destaque

Em um evento tão importante para o comércio, um dos marketings mais eficientes é atrair clientes por meio de elementos visuais. Prepare as lojas, vitrines e sites com decorações e designs especiais, que enalteçam os descontos ofertados e chame a atenção de quem está passando por perto ou então navegando na internet.


· Abuse das redes sociais

No Brasil, o Facebook e o Instagram são as redes sociais mais acessadas diariamente. Não economize em publicações e divulgações sobre as novidades que estão ocorrendo em seu negócio. Atinja o maior número de usuários possíveis.

O Whatsapp também pode ser um aliado na hora da venda. Disponibilize aos seus clientes a opção de ser atendimento via o aplicativo de mensagens, facilitando para ambos o processo de compra e venda.


· Políticas de fidelização

Com a Black Friday, são altas as chances de seu negócio ser alvo de novos clientes. A fim de conquistá-los e fazer com que eles voltem durante todo o ano, crie políticas de fidelização e apresente ao cliente todas as possibilidades de se beneficiar por estar escolhendo o seu negócio com tantos outros no mercado.


· Prepare-se para as vendas online

Para que o faturamento na Black Friday seja o melhor possível, esteja preparado para a alta na demanda de compras online. Prepare o site para que seu funcionamento seja 100% eficiente e todos consigam efetuar suas compras satisfatoriamente. Um serviço de chat online de auxílio ao consumidor poderá ajudar a atingir tal satisfação.


· O e-mail como um aliado

Utilize o e-mail como forma de alertar seus clientes sobre as novidades e ofertas que serão disponibilizadas. Faça isso de forma atrativa e convincente com informações verdadeiramente preciosas para potenciais consumidores.


· Atenda à wish list de seus consumidores

Esteja sempre atendo aos produtos mais desejados do mercado. Colete dados que lhe forneçam a informação de qual mercadoria é o sonho de consumo de seus clientes, mas que nunca saiu de suas listas de desejos. Ao menor desconto ofertado, é venda na certa!


· Use o tempo ao seu favor

Uma das principais estratégias utilizadas no mundo das vendas é o gatilho da escassez. Na Black Friday, não tem porque deixá-lo de fora. Disponibilize em seus sites e lojas físicas um contador de tempo, informando aos clientes até quando as ofertas ficaram disponíveis, impulsionando-os a efetuarem a compra o mais rápido possível.


Quando se trata de comércio, a Black Friday é o evento mais esperado pelos vendedores e consumidores. Porém, um negócio não se mantém com apenas um dia glorioso de vendas. Com a finalidade de se ter prosperidade no mercado, as empresas precisam trabalhar, principalmente, em cima de suas políticas e valores adotados para com os clientes. As estratégias listadas acima se baseiam na extrema importância de a experiência do consumidor com o seu negócio ser exemplar e satisfatória, fidelizando o cliente aos seus serviços. Mas, para conseguir cumprir com todos eles, o exercício mais eficiente é o de se colocar no lugar do consumidor: como ele gostaria de ser tratado?


Seguindo essas dicas, um negócio estará propício a se estabilizar num mercado competitivo e tirar o máximo de aproveitamento de ocasiões como a Black Friday; mas, além disso, estará cada vez mais se consolidado ao ponto de todo mês ser tão grandioso como uma Black Friday.



Autores

Matheus Moacir

Consultor de Vendas




Nícia Duarte

Consultora de Projetos



Fale conosco
Tel: (11) 9 8954-5053 (11) 9 8219-1155

Rua das Paineiras, anexo da casa 9, Cidade Universitária - Campus da USP Ribeirão Preto,SP.

  • Black Facebook Icon

© 2018 por Caixa Criativa Soluções Digitais