Como funciona o empreendedorismo nas startups?



As startups estão em alta, mas nem todo mundo entende o que elas são. Então, vamos te explicar o que são elas e como o empreendedorismo funciona nessas empresas.




O que é uma startup

As startups estão se tornando uma pauta cada vez mais constante no mundo, e no Brasil não é diferente. Em 2018 assistimos as primeiras startups brasileiras se tornando unicórnios, que são startups que passam a valer mais de US$ 1 bilhão.

Mas, afinal, o que é uma startup? O termo startup nasceu na década de 90 nos Estados Unidos na época da bolha da internet e fazia referência a um grupo de pessoas que se uniam para executar uma ideia que poderia se tornar uma empresa rentável.

Hoje as startups saíram dos Estados Unidos para ganhar o mundo. E ainda restam dúvidas sobre o que se configura como uma startup, já que existem várias definições.

Podemos entender startup como uma empresa nova, geralmente ofertando um produto ou serviço fortemente ligado à tecnologia. Além disso, seu produto deve promover inovação, seu modelo de negócios precisa ser escalável e com alto potencial de rentabilidade.


E como funciona o empreendedorismo nas startups?

Empreender no jargão do mundo empresarial diz respeito a abrir um novo negócio ou colocar em prática uma nova ideia dentro da empresa. Pensando nisso, as startups já estão intimamente ligadas com o termo, já que são empresas novas que estão ligadas à uma inovação.

Mas dentro das startups o ritmo do empreender deve ser mais acelerado, uma vez que a sua escala de crescimento deve ser mais acelerada. E por quê? Basicamente, a startup empreende apostando todas as suas cartas no seu produto, assumindo o risco de dar tudo errado.

Isso se torna mais claro ao passo em que entendemos de onde vem o dinheiro para executar as ideias, o capital inicial pode sair do bolso dos próprios fundadores. Contudo, para fazer com que o crescimento seja exponencial, a startup vai precisar do investimento externo.

O retorno do investimento caso a startup dê certo é bem alto

Investimentos como de anjos ou fundos de investimento são o que permite que as startups saiam do papel, consigam contratar funcionários e pagar suas contas. E muita gente vem ganhando dinheiro investindo em novas empresas, pode significar perder dinheiro se tudo der errado, mas se der certo o lucro é muito alto.


Como funciona o dia-a-dia do trabalho nas startups?

Diferente de outras empresas as startups nem sempre contam com o recurso necessário para contratar todo o time que ela idealmente precisa, fazendo com que todo mundo tenha que fazer um pouco de tudo. Isso não vale só para os funcionários contratados, mas também para o CEO e sócio-fundadores da empresa.

Inclusive, as pessoas que decidem se aventurar pelo empreendedorismo em startups devem ter consciência que o caminho não será fácil. Fundadores de startups devem ser especialistas no produto que vão vender ou em algo que possa ajudar no crescimento do negócio, o que demanda ​muito estudo.​

Como já falamos, tudo mundo deve fazer um pouco de tudo, então até mesmo os cargos mais altos vão precisar executar tarefas mais operacionais. Além disso, a carga de trabalho vai ser pesada, a demanda não vai ser só no escritório, mas também em eventos e na leitura não só de livros, mas também de revistas e jornais​.


Exemplos de startups brasileiras

O cenário brasileiro parece estar cada vez mais fértil para o surgimento de startups, podemos ver empresas como Nubank e 99 trazendo inovação para seus respectivos mercados e obtendo muito sucesso na rentabilidade do negócio.

Podemos notar também uma grande variedade de modelos de negócio e produtos ou serviços oferecidos. Por exemplo, o Nubank oferece serviços bancários, revolucionando o mercado bancários brasileiro, que era majoritariamente físico.

Já a 99 trouxe uma nova perspectiva para a mobilidade urbana, agregando em um só lugar carros particulares e táxis, revolucionando duas vezes um nicho do mercado.

E existem ainda outros exemplos, como é o caso da LiveHere, startup que se destaca no setor imobiliário oferecendo ​moradias estudantis para universitários no interior de São Paulo.

Todo esse cenário de diferentes startups brasileiras, de diversos segmentos, apresentando uma performance e lucratividade tão boa, abre portas para novos empreendedores e investidores.

Entretanto, é importante ter planejamento, os jornais só mostram os casos de sucesso, por trás disso teve muita gente que tentou e não deu certo. Isso é normal, mas é interessante ter consciência do tamanho do desafio.


Dicas para quem deseja empreender no modelo de startup

Já falamos sobre todo o foco e trabalho duro necessários para quem sonha abrir uma startup, mas ainda temos quatro dicas bem legais para contribuir com os futuros empreendedores:


Inovação é coração de uma startup: não necessariamente a inovação deva ser uma completa disrupção do produto, mas pode trazer uma nova forma de executar algo no dia-a-dia. E atenção, mesmo seu produto ou serviço sendo algo completamente diferente, no momento em que começar a dar resultados vão surgir mais dez fazendo o que você já faz. Então, foco em sempre polir sua inovação para ser a melhor opção no mercado;


Pessoas capazes trazem mais resultado: contratar pessoas qualificadas é primordial, entretanto, mais do que isso, capacitar funcionários pode garantir uma permanência maior. O mercado está cada vez mais agressivo em busca das pessoas certas, empresas maiores podem oferecer maiores salários, mas a startup pode oferecer mais autonomia e horizontalidade. Cuide para que essas características sejam prioridade na sua empresa;


Seus primeiros clientes são sua maior propaganda: a satisfação do cliente para empresas que estão começando deve ser prioridade, ainda mais quando o dinheiro é contato. Além disso, essas são as primeiras pessoas que vão testar o seu serviço ou produto e podem te ajudar a aparar as arestas e melhorar o que precisa ser melhorado;


Faça da internet sua melhor amiga: Entenda seu público, aprenda como engajar os seus possíveis clientes e faça das suas redes sociais e site mais que um espaço de venda, os transforme em uma janela de interação. Uma boa comunicação pode cativar e converter mais que postagens pagas ou propagandas caras.


Quer empreender?

Agora que você já sabe sobre todos estes desafios, por que não pedir uma ajuda nossa? Nós da Júnior FEA-RP realizamos projetos personalizados para empreendedores, em todas as áreas da administração. Venha ter a experiência de trabalhar conosco!



Autor

Parceira de Guestpost

Live Here





Fale conosco
Tel: (11) 9 8954-5053 (11) 9 8219-1155

Rua das Paineiras, anexo da casa 9, Cidade Universitária - Campus da USP Ribeirão Preto,SP.

  • Black Facebook Icon

© 2018 por Caixa Criativa Soluções Digitais